depois daquela NOITE | capítulo 20

CENA 1 - EXT. / PRAÇA - NOITE.

Ao som de "Menina Solta - Giulia Be", Matheus finge normalidade ao ver a cena, mesmo o ciúme transparecendo em seu olhar. Mariana se afasta de Tereza, e a mesma se surpreende ao ver Matheus. 

MARIANA irônica: Nem vi você chegar. Faz muito tempo que está aí?

MATHEUS tentando disfarçar: Cheguei agora. Mas já vou indo, estou indisposto. 

MARIANA: Mas você chegou não faz nem cinco minutos. Aproveita um pouco que eu vou lá pegar uma bebida pra você!

Mariana se levanta e sai. 

TEREZA falando baixo: Eu não consegui ter reação nenhuma. Quando eu vi, ela estava me beijando. 

Matheus fica em silêncio.

TEREZA: Você não vai falar nada?

MATHEUS irritado: O que você quer que eu fale? Saiu sem ao menos me falar e eu chego está nos braços da minha prima. Eu não tenho nada o que falar.

TEREZA: Mas ela me beijou sem ao menos eu esperar.

MATHEUS se levanta, irritado: Você diz pra Mariana que eu precisei ir. 

Tereza se levanta e vai atrás de Matheus.

TEREZA: Você vai sair e nem ao menos vai me escutar?

Matheus continua andando.

TEREZA grita: A gente não tinha nada pra você estar dando esse show!

Matheus para e vira para Tereza. 

MATHEUS: Quer dizer que a gente não tinha nada?

Nesse momento, Mariana aparece e eles tentam disfarçar.

MARIANA: Ficaram em silêncio por qual motivo? Podem continuar!

Matheus e Tereza se olham em silêncio.

MARIANA: Vocês acham que eu sou idiota? Que eu não ia perceber? Acharam que iam me enganar até quando? 

MATHEUS: Eu posso explicar!

MARIANA: O problema nem é vocês estarem juntos, mas esconderem isso de mim com uma sucessão de mentiras. E Matheus, eu esperava isso de qualquer pessoa mas de você, não. 

MATHEUS: Eu não queria te magoar!

MARIANA com lágrimas nos olhos: E você acha que fez o que? 

Mariana sai e deixa os dois sozinhos. CORTA PARA:

CENA 2 - INT. / APARTAMENTO DE TEREZA/SALA DE ESTAR - NOITE.

Manuela está deitada no sofá assistindo ao filme quando alguém aperta a campainha. 

MANUELA: Está difícil terminar meu filme hoje!

Ela se levanta e abre a porta.

TADEU: A Tereza está?

MANUELA: Não, foi na praça.

TADEU: Mas ela mandou uma mensagem dizendo que precisava falar comigo.

Nesse momento, Tereza sai do elevador chorando.

TADEU se surpreende: O que aconteceu?

TEREZA chorando: Homens. Eu sempre falei que homens eram o problema, e agora eu só confirmei. 

Tereza abraça Tadeu. CORTA PARA:

CENA 3 - EXT. / PRAÇA - NOITE.

Juliano e Caroline estão sentados, e a maioria das pessoas já estão indo embora. Juliano se levanta.

JULIANO: Amanhã tenho aula e já estou leve. Você vai ficar?

CAROLINE: Eu não queria ir embora e ter que aturar a minha mãe.

JULIANO: Desde quando você e sua mãe não se dão bem?

CAROLINE: Desde que ela foi trocada e começou a encher meu saco. 

JULIANO: Quer uma carona?

CAROLINE: Pode ficar tranquilo que eu pego um uber. Vou dar mais um dez por aqui e depois vou. 

JULIANO: Certeza?

CAROLINE: Tenho sim! 

Juliano se despede e vai para o carro. CORTA PARA:

CENA 4 - INT. / APARTAMENTO DE TEREZA/QUARTO - NOITE.

Tadeu se deita ao lado de Tereza.

TEREZA chora: E você acredita que ele simplesmente saiu e nem quis me ouvir? Ele simplesmente acreditou no que ele quis acreditar e fim. E depois ela deixou claro que fez aquilo pois estava desconfiada. 

TADEU: Mas ele viu vocês se beijando né?

TEREZA chora: Eu sei disso. Mas ele não podia ter me escutado? Ele não podia ter agido como uma pessoa adulta ao invés de fazer um show desnecessário e infantil?

TADEU: Eu não sei como iria lidar em uma situação dessas. 

TEREZA chora: Desde que o Matheus chegou na cidade você vive defendendo ele. Vou começar a desconfiar que está apaixonado por ele.

TADEU: Não viaja. Eu só acho que poucas pessoas iriam manter a compostura diante de uma situação dessas. E você ainda falou em plenos pulmões que vocês não tinham nada né? 

TEREZA irritada: Eu estava com ódio. Assim como estou ficando agora por conta de tudo o que está me falando! Você veio me apoiar ou me colocar mais pra baixo?

TADEU: Lembra quando a Manuela fez o que fez comigo e você não pegou nem um pouco leve comigo? Só estou fazendo meu papel de amigo. 

TEREZA joga o travesseiro nele: Isso é vingança?

TADEU ri: Claro que não! Mas confesso que é meio engraçado te ver sofrendo por amor. 

Eles continuam conversando. CORTA PARA: 

CENA 5 - INT. / CASA DOS PEREIRA/SALA DE ESTAR - NOITE. 

Matheus entra em casa. Ele fecha a porta e vai até a porta do quarto de Mariana. Ele bate na porta e entra.

MATHEUS: Eu posso conversar com você?

Mariana está deitada mexendo em seu celular.

MARIANA: Eu não quero conversar com você hoje. 

MATHEUS: Eu não queria te magoar.

MARIANA irritada: Eu não quero falar com você hoje. Fecha a porta!

MATHEUS: Me desculpa!

Matheus sai e fecha a porta. CORTA PARA:

CENA 6 - INT. / APARTAMENTO DE TEREZA/QUARTO - DIA.

A música "Planeta Borboleta - Mariana Nolasco" começa a tocar. Vimos cenas de Tereza curtindo a bad com o Tadeu e alguns filmes e séries. CORTA PARA:

CENA 7 - INT. / RESIDÊNCIA DOS PEREIRA - DIA.

A música continua. Vimos alguns flashes do dia-a-dia de Juliano e Mariana que aos poucos voltam a se falar e fazer algumas coisas juntos. CORTA PARA:

CENA 8 - INT. / CASA DO MICROCRÉDITO - DIA.

A música continua. Manuela está trabalhando ao lado de Caroline e as duas começam a ter uma amizade. Vimos momentos das duas fora do trabalho também. CORTA PARA:

CENA 9 - INT. / RESIDÊNCIA DA FAMÍLIA NUNES - NOITE.

A música continua. Flávia e Caroline estão cada vez mais distantes e com brigas constantes. CORTA PARA:

CENA 10 - INT. / APARTAMENTO DE NÁDIA/QUARTO - NOITE.

A música continua. Nádia está deitada assistindo filme e mexendo no celular. Ela está conversando com alguns homens no tinder. CORTA PARA:

CENA 11 - INT. / UNIVERSIDADE/CORREDOR - NOITE.

A música continua. Vimos momentos de Caio dando aula e as trocas de olhares com Juliano. Ainda que o jovem deixe claro que quer manter distância, ele sempre tenta algumas investidas. A música termina.

SEMANAS DEPOIS...

JULIANO: Eu já falei pra você parar de me incomodar. Eu já troquei meu número, e agora eu vou precisar trocar de faculdade também?

CAIO: Meu casamento acabou e era isso que você me cobrava. O que falta pra você me dar uma chance?

JULIANO: Te amar. Eu não te amo como você acha que eu amo. Tivemos um lance e acabou.

CAIO: O que eu preciso fazer pra me dar uma chance?

JULIANO: O semestre está acabando. Use esse tempo pra sair e conhecer outras pessoas. Use esse tempo pra me esquecer!

Juliano tenta sair e Caio o beija. Nesse momento, Tereza vira o corredor e flagra os dois.

TEREZA surpresa: O que está acontecendo aqui?

Caio fica sem reação. CORTA PARA:

CENA 12 - INT. / FRENTE DA CASA DO MICROCRÉDITO - DIA. 

Renato está aguardando na frente. Após alguns minutos, Manuela sai.

MANUELA: Desculpa a demora, estava atendendo.

RENATO: Sem problemas! Você tem certeza que quer ir lá pra casa?

MANUELA: Sim! Hoje é sexta e eu estou precisando espairecer.

RENATO: Aonde essa sua amizade com o Márcio vai parar?

MANUELA: Em lugar nenhum. Está tudo sob controle e a gente está curtindo o momento.

RENATO: Você está usando aquelas merdas de novo. 

MANUELA: Eu já falei que está tudo sob controle! 

Os dois começam a andar e a conversar. CORTA PARA:

CENA 13 - INT. / UNIVERSIDADE/CORREDOR - DIA.

Caio se afasta de Juliano.

CAIO nervoso: Você não viu nada disso. 

TEREZA: Vocês estão ficando loucos? Se fosse qualquer outra pessoa vendo isso, você estaria no olho da rua!

CAIO nervoso: Você não viu nada!

Caio deixa os dois sozinhos e sai. 

TEREZA: O que você tem pra me falar sobre isso?

JULIANO: É uma história longa e chata.

TEREZA: Mas que com certeza eu quero ouvir. 

Os dois começam a conversar e a andar. CORTA PARA:

CENA 14 - INT. / HOTEL - DIA. 

Cecília acorda e Tony está olhando pela janela. 

CECÍLIA: Dez reais pelos seus pensamentos.

TONY ri: Que mesquinharia. Só dez?

CECÍLIA: É o que eu tenho no momento. 

TONY: O que a gente está fazendo aqui ainda? O moleque não veio te procurar em semanas, e você acha que ele ainda vai mudar de ideia? 

CECÍLIA: Eu realmente não sei quem aquele menino puxou. 

TONY: Tem certeza que você não sabe? 

CECÍLIA: Para de me encher. A gente precisa agir. Daqui a pouco ele morre, e eu vou precisar comprovar que ele dependia de mim para ficar com a grana.

TONY: Você é má!

CECÍLIA: Sou realista, e não adianta lamentar algo que não tem volta. Se ele vai morrer, nada mais justo que eu ficar com a pensão já que fui eu quem pari. Aliás, ele acabou com o meu corpo! Maldita gravidez!

Os dois continuam conversando. CORTA PARA:

CENA 15 - INT. / RESIDÊNCIA DOS PEREIRA/SALA DE ESTAR - DIA. 

Matheus abre a porta e recebe Tadeu.

TADEU: Só assim para conseguir falar com você né?

MATHEUS: Aconteceu algo?

TADEU: Faz semanas que você não aparece em nada. O que aconteceu?

MATHEUS: Eu entendi que estava desviando um pouco o foco que é cuidar de mim, e é isso que eu estou fazendo!

TADEU: Para com isso. O semestre da faculdade acabou e vamos todos fazer um acampamento, e eu não aceito não como resposta.

MATHEUS: Então foi pra isso que você veio aqui?

TADEU: Um dos motivos. 

MATHEUS: Mas eu não vou. Não tem clima!

TADEU: Não aceito não como resposta. Entendeu? Te passo tudo pelo whats!

Eles seguem conversando. CORTA PARA:

CENA 16 - EXT. / RUA - DIA.

Renato e Manuela estão andando e conversando. 

MANUELA: Eu soube que você foi convidado para ir ao acampamento né? 

RENATO: Quem te falou isso?

MANUELA: Você esqueceu que eu moro com a Tereza? 

RENATO: Eu não vou. 

MANUELA: Por qual motivo?

RENATO: O que eu falaria para o Márcio?

MANUELA: Você é de maior. Precisa ficar dando detalhes?

RENATO: Eu até queria, mas melhor não. Deixa as coisas como estão!

MANUELA: Você quer ir?

RENATO: Quero!

MANUELA: Então deixa comigo! É só eu falar que você vai ficar na minha casa uns dias, e com isso vamos ter a casa só pra gente!

RENATO: Vai colar?

MANUELA: Já disse pra deixar comigo!

Os dois chegam no morro. CORTA PARA:

CENA 17 - EXT. / PRAÇA - DIA.

Ao som de "Don't Start Now - Dua Lipa", Tereza estaciona o carro. Juliano e Tadeu já estão aguardando na praça.

TADEU animado: Prontos para a aventura? 

JULIANO ri: Ainda bem que a partir desse momento eu não vou ser o único a ter que aturar a animação do Tadeu. 

Eles colocam as coisas no porta malas. 

TEREZA: O Renato vem?

JULIANO: Sim! Ele disse que já está chegando!

Não demora muito, Renato chega. Ele cumprimenta todos, e Juliano lhe ajuda a colocar as coisas no porta malas.

JULIANO: Eu já estava pensando que a nossa amizade era só virtual. 

RENATO: O que você quer dizer com isso?

JULIANO: Que eu fiquei feliz que conseguiu vir. 

Um sorri para o outro, e entram no carro.

TEREZA: Todos prontos?

TADEU: Calma!

TEREZA: O que foi?

TADEU: Está faltando uma pessoa.

TEREZA: Quem? 

Nesse momento, Matheus aparece com a mochila. 

TEREZA: Eu não acredito que você aprontou uma dessas comigo Tadeu.

O olhar de Matheus e o de Tereza se encontram. CORTA PARA:

FIM DO CAPÍTULO 20

Postar um comentário

0 Comentários